Buscar
  • Leo

IA e Deep Learning na saúde


Segundo uma pesquisa realizada pela Intel em Julho de 2020, 84% de tomadores de decisão na área da saúde estão planejando usar inteligência artificial em algum processo. Isso revela uma grande evolução quando comparado com os 37% que possuíam esse interesse 2 anos antes.


Fonte: Pesquisa Intel (adaptado).

As principais aplicações atuais de IA e Deep Learning na Saúde, estão relacionadas a análises preditivas, sistemas para suporte de decisões clínicas e sistemas que visam melhorar a colaboração entre times com foco em otimizar o cuidado.


Além dessas aplicações, algumas organizações referências começaram a atuar com análise de imagem, áudio e vídeo, processamento de linguagem natural, utilização de análises multipartidárias e atuação com robótica e dispositivos médicos.


Dessas tecnologias, é interessante entender o impacto que o Processamento de Linguagem Natural pode ter no setor da saúde.


O processamento de linguagem natural (Natural Language Processing, NLP em inglês) é uma tecnologia que permite sistemas computacionais processarem linguagem natural de texto e transformarem essas informações em dados estruturados.


Por que isso é importante?


Segundo a Intel, estima-se que cerca de 80% dos dados de saúde não estão estruturados. Estando em sua maioria alocados em anotações físicas de profissionais de saúde ou em transcrições de ligações.


A possibilidade de converter dados físicos para formatos que possam ser lidos e processados por um mecanismo computacional é de extrema importância para uma maior compressão e uma utilização efetiva desses dados.


NLP é uma tecnologia de grande potencial para o auxílio da sáude, em diversos casos ela é vista como o primeiro passo para o início da digitalização.


Confira algumas aplicações bem interessantes de NLP aqui

Quer ficar por dentro das principais inovações e mudanças que estão ocorrendo no universo da saúde? Inscreva-se na nossa newsletter pelo link

Posts recentes

Ver tudo